terça-feira, 25 de agosto de 2009

PM e Bombeiro fazem movimento por aumento salarial

Uma caminhada de bombeiros e policiais militares interrompeu o trânsito no centro do Recife, na tarde desta terça-feira (25). O movimento é para integrar bombeiros e policiais militares de todo o País na busca de apoio para a aprovação, no Congresso Nacional, em Brasília, de uma Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que beneficia financeiramente a categoria.

A PEC 300 determina que o salário base pago aos PMs e aos bombeiros, de todos os estados, não pode ser inferior ao pago à Polícia Militar do Distrito Federal: que recebe hoje R$ 4,1 mil por mês.

Hoje o piso do PM em Pernambuco, de acordo com a Associação dos Cabos e Soldados, é de R$ 1,2 mil.

A concentração foi na praça do Derby, em frente à sede do Comando da Polícia Militar. Os policiais não usaram fardas nem armas para fazer a caminhada. Muitos trouxeram parentes: mulheres, filhos. Por onde passaram, o trânsito ficou complicado. Na avenida Conde da Boa Vista, a multidão ocupou o lugar de ônibus e carros até o ponto final da caminhada, na Assembléia Legislativa de Pernambuco, na rua da Aurora.

Na Asembleia, representantes dos policiais militares e dos bombeiros entregaram ao presidente, o deputado Guilherme Uchôa, um documento solicitando apoio para a aprovação da Proposta de Emenda Constitucional.

Fonte: Jornal O Globo - Pernambuco