domingo, 27 de fevereiro de 2011

Bombeiros e policiais militares fazem passeata por melhores salários

Profissionais buscam coerência salarial em todo o país pela PEC 300

Cerca de 120 bombeiros e policiais militares realizaram das 10h às 12h, neste domingo (27), uma passeata em Copacabana, na zona sul do Rio de Janeiro, pela PEC 300 - a Proposta de Emenda Constitucional de número 300 para a unificação dos salários das polícias militares e bombeiros de todos os Estados com os praticados hoje pelo distrito federal.

O major da Polícia Militar Pulo Cesar Pereira da Silva, presidente da comissão de acompanhamento da PEC 300, explica que o pedido é por coerência nos salários desses trabalhadores.

- O salário dos policiais e dos bombeiros gira em torno de R$ 1.000, e nosso pleito é de R$ 3.500 para todos que exercem essas profissões no Brasil. Em Sergipe, um coronel da polícia ganha R$ 12.400 mais 60% desse salário, ou seja, cerca de R$ 19.00. No Rio, na mesma função, a pessoa ganha R$ 7.300.

Ainda segundo o major, é preciso considerar o dinheiro arrecadado no Rio nos últimos anos.

- Em 2007, o Rio arrecadou R$ 36 bilhões, em 2008, foram R$ 43 bilhões, e em 2009, R$ 44 bilhões. Com essa arrecadação não dá para acreditar que é difícil aumentar os salários desses trabalhadores.

Fonte: R7